Jon Cryer ganha aumento, Ashton Kutcher não

Temos que dar o braço a torcer e admitir que "Two And a Half Man" não é mais a mesma sem Charlie Sheen, e não só nós sabemos, como a CBS também sabe.

E depois da saída do ator, Jon Cryer obteve uma relevância muito maior do que tinha ao lado de Charlie, por vários motivos, um deles seria a forma madura no qual Jon ficou diante da crise do programa, e a melhor forma encontrada pela CBS para agradecer a lealdade do ator foi o aumento salarial que ele recebeu na renovação do contrato semana passada. Ele viu seu salário crescer de 550 mil dólares para 620 mil dólares, ainda longe de quanto Ashton ganha por episódios, que é 700 mil.
Segundo o The Hollywood Reporter, com a redução nas aparições de Jake, os produtores agora procuram uma personagem feminina forte para integrar o elenco da série. De acordo com o site, eles estavam de olho em Miley Cyrus, que fez uma participação no programa recentemente, mas as gravações eram incompatíveis com a "grande" agenda da cantora.
Lembrando que Jon Cryer também foi reconhecido pela Academia ano passado ao ganhar um Emmy de melhor ator coadjuvante em comédia, vencendo nomes fortes como Jesse Tyler Ferguson, Eric Stonestreet, Ty Burrel e Ed'O Neil.
Fonte: The Hollywood Reporter

0 comments: