Indomável Sonhadora

Esse filme vem fazendo muito barulho desde o Festival de Sandance de 2012, sendo rotulado de "mágico", "emocionante" e outros elogios baratos, porém "Indomável Sonhadora" deveria ter ficado apenas nos festivais, ja que comercialmente esse filme iria arrecadar valores baixos e quase ninguém saberia quem é Quvenzhané Wallis. Mas como a academia adora fazer diferente,principalmente do Globo de Ouro, teremos aqui uma bilheteria inflada pelo chamado "Efeito de Melhor Filme" e Quvenzhané receberá as mais exdrúchulas propostas para trabalhos futuros e será exigido cada vez mais de uma crinça de 9 anos.
O filme conta a hitória de Hushpuppy, uma criaaça que mora num lugar extremamente isolado da civilização com seu pai que esta prestes a falar com Deus. Devido a toda essa situação difícil, Hushpuppy tem que aprender a se virar sozinha,ou seja, aprender a caçar, conseguir sua própria comida e fazer as tarefas de casa. Até o dia que a luta pela sobrevivência fica mais dificíl quando uma terrível tempestade arrasa com a vila que ela,seu pai e todos seus vizinhos moram.
Benh Zeitlin deveria ter ganhado o Independet Spirit Awards ontem, porque naquela premiação ele merecia ganhar, porém no Oscar, ele não deveria nem estar indicado, até porque ele, juntamente com Michael Haneke e David O. Russell ocupam as vagas que um dia eram para ser de Kathryn Bigelow,Ben Affleck e Tom Hooper. É claro que temos que reconhecer que é um excelente trabalho de direção, eu me impressionei muito com a qualidade desse diretor num filme de estreia, mas eu digo e repito, nada de Oscar para ele. O roteiro adpatado da peça "Juicy & Delicious" também esta indicado ao Oscar, só que eu achei esse roteiro muito bom, ai a solução que pensei foi criar mais uma indicação, assim como em melhor atriz,ator,atriz coadjuvante e ator coadjuvante, porque esse é um texto muito bom que foi muito bem reconhecido pela acadamia. O problema? "As Vantagens de Ser Invisível" também deveria estar indicado. Mas com eu sou um mero escritor, não mando em nada. Só digo que Benh Zeitlin e Lucy Alibar fizeram um trabalho excelente no roteiro.
Dos atores, a única que chama atenção é justamente Quvenzhané Wallis, que mesmo estando numa performace muito madura e interessante, ela não deveria estar indicada pelo fator idade. Porque veja bem,  para ela repetir o "sucesso" que fez com esse longa, vai demorar um bom tempo, mas nesse meio tempo ela fara outros projetos mais inferiores a esse, e o nível de cobrança em cima das costas dela sera muito grande, coisa que uma criança não deveria ter.
"Indomável Sonhadora" não deveria estar indicado a 3 Oscars que compete hoje. Esse longa era para estar nos festivais ao redor do mundo e em poucos salas pelo Brasil, pois se formos coloca-lo em grande escala, quase 90% da nossa bonitinha, mas ordinária população não entenderia nada.
Nota: 9,0

0 comments: